Raisa Botler e Cecilia Marcon fizeram o Programa Transamérica Ação e Aventura bombar na sexta-feira dia 30 de novembro! Audiência Explodiu! PARABÉNS!

By / 1 semana ago / Sem categoria / No Comments
Raisa Botler e Cecilia Marcon fizeram o Programa Transamérica Ação e Aventura bombar na sexta-feira dia 30 de novembro! Audiência Explodiu! PARABÉNS!

Obrigado pela super audiência e pelas mensagens enviadas pelos ouvintes através do WhatsApp e Instagram,que foram fundamentais para comprovar o sucesso absoluto do Programa Transamérica Ação e Aventura de hoje sexta-feira dia 30 de novembro das 20 às 21h! Agradeço a presença dessas duas musas do Crossfit , as pernambucas , Raisa Botler@raisacavalcantitobler e a Cecilia Marcon@ceciliamarcon, praticantes e incentivadoras, dessa maravilhosa modalidade esportiva mais atual e que vem bombando no mundo! Elas comandaram o programa de forma emocionante e contagiaram inúmeros ouvintes com suas lindas histórias de vida e ensinaram que não tem desculpa para não entrar no Crossfit, pois elas conseguem conciliar a vida normal com atividades físicas ! E isso tudo ainda curtindo as melhores musicas do momento,ou seja as top músicas do mundo , para você iniciar a noite de sexta-feira ! Literalmente foi uma noite memorável parábola esporte amador do Brasil! Bons Ventos e até próxima sexta-feira à noite! #transamericafm @transamericarecife #crossfit #crossfitrecife #saude #gratidao #god

Conheça um pouco das meninas e do esporte Crossfit:

Crossfit é uma religião tipo se vc fizer faz parte da familia jamais terá momentos infelizes!Só alto-astral! Mas antes deiniciar qualquer atividade físca aao medico cardiologista e faça um exame de aptidão física e converse com o professor formado em educação física para que tenham  melhoria da qualidade de vida através das praticas dos esportes.

Raisa Tobler (Primeira da esquerda para direita na foto )

“Me chamo Raisa Cavalcanti Tobler, tenho 29 anos. Desde pequena pratiquei natação, acredito que por mais medo a minha mãe de que eu morresse afogada do que qualquer outra coisa. Era uma atividade muito prazerosa, sempre gostei de água, me sentia bem nadando. Mas quando tinha uns 14 anos parei, e não me recordo muito bem os motivos. Também fiz jazz, por um breve momento, uns 6 meses, mas dançar não era meu forte!!!

Nunca pratiquei esportes no colégio, acredito que por conta das condições financeiras, visto que sou a mais velha de três filhos, se me colocasse em alguma atividade tinha que colocar todos, e isso pesava no bolso. Então fiquei em um estado de inercia por um bom tempo, até que comecei a namorar em 2008, com 19 anos. Conheci meu marido quando entrei na faculdade, sou formada em Administração pela Universidade Federal de Pernambuco.

Logo no primeiro período, um colega propôs que eu montasse um time de futebol feminino para participar de um campeonato que iria ter com os alunos de administração, onde já havia um time feminino porém sem outro que pudesse fazer frente e competir. Meu marido, na época cursava Educação Física, lá na Federal também, e era cunhado de uma colega de turma, Gabriela Veras, que tinha topado participar da competição. Gabi sugeriu de realizarmos um treino antes da competição e que poderia coordenar isso com o cunhado dela que fazia Ed.Fisíca. Ai uma coisa levou a outra e estamos juntos há 10 anos.

Quando tínhamos quase 2 ano de namoro houve 2 acontecimentos, passei no concurso de soldado da PM, o qual decidir não ir, e ele passou no concurso da AFA, o qual teria que se mudar para Piraçununga/SP e passar 4 anos em regime de internato. Ai ele me provocou perguntando por que não fazia uma academia, era bom para a saúde e para o corpo e seria uma atividade que me manteria distraída, fora a faculdade. Eu não tinha motivos para não fazer, então comecei. Mas não era uma atividade que tinha gosto de fazer, fazia mais por obrigação de esta ativa. Mas com o tempo acabei desenvolvendo um problema no meu joelho, um desgaste na cartilagem que incomodou bastante. Então passei a ser mais pagante de academia que frequentadora dela. Eu pagava mais raramente ia.  Nesse tempo o meu então noivo já havia voltado para Recife, e sempre ativo me levava para praticar alguma atividade, fosse ela academia ou simplesmente dar uma corridinha na praia.

Em 2017 pedi demissão para estudar para concurso, prestei no mesmo ano o concurso de Bombeiro Miliar e passei dentro das vagas, o que me deixou muito feliz pois foi o primeiro concurso que que fiz depois que decidi me dedicar a isso. Mas o processo seletivo ia além da provo objetiva e da redação, exigia condicionamento físico. Então comecei a treinar, fazia tudo: corria 2400m, fazia o tiro de 50m, nadava 50m, fazia o salto estático, o abdominal, só não conseguir ficar pendurada na barra com a pegada em pronação por 25 segundos.  E isso me fez ser desclassificada do concurso. Mas coloquei na minha cabeça que eu tinha que conseguir isso, e que se um dia eu viesse a passar em um concurso que exigisse parte física de mim eu não me deixaria na mão.

No fim do ano passado eu e meu marido começamos a andar de bike, e virou uma mania. Não andávamos grandes distancias, uns 15km, a perna ardia, a mente pedia para parar mas continuávamos. Até que parou de ser tão doído assim. Foi quando em janeiro desse ano meu marido em férias deu a ideia de fazermos uma aula experimental de crossfit, coisa a qual já tinha proposto e eu já havia negado, com o pensamento que tinha problema no meu joelho e que essa atividade tinha grande impacto. Mas dessa vez aceitei a ideia e fomos sem compromisso fazer uma aula, e acabei gostando, no dia seguinte fizemos a matrícula, um plano de 2 vezes por semana. Fiquei com medo de ser apenas euforia de uma atividade nova.  Mas como todos os dias são treinos diferente isso tornava tudo mais interessante. Com um mês pedi para ele para mudar eu plano para todos os dias da semana. Simplesmente me apaixonei, a atividade te estimula a esta lá todos os dias se desfiando, sempre com cuidado e com orientação. Ver como consegui superar meus próprios limites e chegar a onde não imaginava é uma sensação muito boa.

E quando entrei tinha essa ânsia de conseguir fazer barra, coloquei esse desafio a mim mesma. Então conversei com o coach contei o que tinha acontecido e disse que queria conseguir fazer pelo menos uma barra, então depois dos treinos comecei a fazer uma serie de exercícios que o coach propôs, adaptações da barra que faziam com que eu ganhasse força nos braços. Fora os próprios treinos que já faziam isso. Com uns 3 ou 4 meses eu fazia barra. Me senti tão realizada, mesmo que aquilo não fizesse mais diferença para o meu concurso, mas senti que não deixei o meu corpo impor limites as minhas vontades aos meus objetivos, consegui enxergar que se eu quero é só me esforçar , me dedicar que consigo chegar lá. E isso eu levei em tudo para a minha vida. Os meus objetivos profissionais, sonhos de viagens, como pessoa!

Como só estudo, o Crossfit é o motivo que me faz sair de casa, ver a rua, ver pessoas e conversar. Criei amizades lá dentro que vou levar para o resto da vida. O Crossfit mudou o meu estilo de vida, sou uma pessoa mais saudável, como melhor, não tenho mais dores nas costas nem no joelho, foi uma atividade de mudou a minha rotina, minha aparência e os meus valores, visto que hoje sei que, até pode levar tempo, mais posso conseguir tudo quero com dedicação.” escreveu Raisa.

Cecília Marcon direira na foto

Cecilia Marcon, Edvogada, Trabalha no Escritório de Advocacia MWM , tem 30 anos de idade, casada, mãe de filho de 1 ano e 9 meses. Faz CrossFit há 6 meeses  e entrou para tirar o estresse e, principalmente, buscar saúde mental.

A entrevista foi maravilhosa com muitas informações e músicas bacanas. Falamos o que todos concordam que basta chegar o final do ano para começar a preocupação com o ganho de peso. Não tem como resistir àquelas comidas ma-ra-vi-lho-sas né! Panettone, chester, rabanada, farofa… Mas algumas atitudes simples podem te ajudar a manter a linha, mesmo comendo de tudo.

Uma delas é entrar no CrossFit

Nove perguntas e respostas sobre CrossFit, o treino da vez

Em alta, o CrossFit detona calorias, define o corpo, melhora o fôlego e deixa você pronta para qualquer desafio – é o que garantem os especialistas. Tire suas dúvidas sobre a modalidade e fique pronta para conquistar o corpo dos sonhos.

Por : MdeMulher  (/)

Mais do que moldar os músculos e melhorar o condicionamento, a proposta do CrossFit é preparar você para qualquer desafio físico que a vida possa trazer. “O método desenvolve dez capacidades físicas“, diz o instrutor Carlos Klein, da CrossFit 79, de São Paulo. “A modalidade trabalha força, velocidade, potência, coordenação, agilidade, equilíbrio, precisão, flexibilidade, resistência cardiovascular e resistência muscular”, completa Klein, que é consultor de BOA FORMA. A seguir, especialistas explicam tudo o que você precisa saber para encarar a modalidade.

  1. Como nasceu o método?

O CrossFit foi criado nos anos 1990 pelo treinador norte-americano Greg Glassman, que passou a ensiná-lo aos policiais de Santa Cruz, na Califórnia, e logo ganhou o mundo. A fórmula do sucesso foi o mix de movimentos funcionais (do nosso dia a dia) realizados em alta intensidade (grande quantidade de trabalho em um curto período de tempo) e constantemente variados. “Caiu no gosto das pessoas porque é comprovadamente uma das maneiras mais eficazes de obter resultados no fitness”, diz Paula Cereser, professora de CrossFit da Reebok Sports Club, de São Paulo.

  1. Quais os principais benefícios?

Além de ajudar você a construir um corpo bonito, o CrossFit melhora o condicionamento e a resistência e cria condições favoráveis para a execução das tarefas diárias. “Sem contar que todo mundo é estimulado a dar o máximo de si: isso gera excelentes resultados físicos e incentiva a superação, dando também um up na autoestima”, afirma Klein.

  1. Quantas calorias queima?

É possível detonar até 400 calorias em treinos intensos e curtos (de 30 a 40 minutos).

  1. Todo mundo pode fazer?

Sim. O CrossFit é um programa que trabalha o desenvolvimento das capacidades físicas de acordo com o nível de cada pessoa. “Uma aluna menos condicionada não precisa agachar com o mesmo peso que uma expert, mas é incentivada a fazer o movimento no seu limite”, exemplifica Paula. Para iniciantes e pessoas com restrições articulares, no entanto, o treino deve ser mais leve e adaptado.

  1. Dá para manter a forma com CrossFit?

Sim. “Essa é uma modalidade completa e não há a necessidade de conciliar com outros exercícios”, garante Paula. Como os exercícios são de alta intensidade, a recomendação é não ultrapassar uma hora de treino, três vezes por semana.

  1. Como é uma aula típica?

A primeira parte é o aquecimento, quando você prepara o corpo para o que está por vir. A segunda é a técnica, dedicada a aprender e a aprimorar os movimentos e as capacidades físicas. Por fim, vem o WOD (sigla em inglês para workout of the day, ou treino do dia), momento em que são realizados os exercícios em alta intensidade. “As séries não são predefinidas e os elementos usados em cada treino quase nunca se repetem. Ou seja, todo dia você pode fazer um treino diferente”, completa Klein.

  1. Quais os principais exercícios usados no método?

O CrossFit engloba os mais variados movimentos: pedaladas, corridas, remadas, exercícios do levantamento olímpico, agachamentos, supino, saltos, lançamento e captura de bola, barras, flexões, paradas de mão. “Usamos acessórios como remo ergométrico, barras, anilhas, barras paralelas, caixas de pliometria, medicine ball, kettlebell, halteres, cordas, sacos de areia, pneus. Não existe um programa que trabalhe com uma variedade maior de ferramentas como o CrossFit”, analisa Paula.

  1. É possível fazer CrossFit em casa?

“Alguns exercícios podem ser feitos sem nenhum material e em qualquer espaço. Mas isso só é indicado para alunas avançadas. As iniciantes não devem praticar sozinhas”, alerta a treinadora.

  1. Quais os principais cuidados ao optar por esse tipo de treinamento?

É importante procurar uma academia e um profissional certificados. “Converse com o treinador para descobrir e tratar suas limitações de movimento antes de iniciar o programa com muita intensidade. Com bom senso e determinação, o CrossFit é uma das melhores atividades para a perda de peso e a definição muscular”, finaliza Klein.

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE CROSSFIT

O que é CrossFit?

 

CrossFit é um programa de condicionamento físico geral, ou seja ele é desenhado para que os atletas desenvolvam as mais diversas capacidades físicas simultaneamente elevando sua qualidade de vida e performance esportiva.

 

Eu preciso estar bem condicionado para começar?

 

Não! Os treinos de CrossFit são universalmente adaptáveis, tanto em quesito de idade, quanto de preparo físico e histórico de lesões. Os treinadores são treinados a adaptar os treinos de forma que proporcionem um ganho de condicionamento a qualquer tipo de pessoa de maneira segura.

 

É pesado?

 

Sim! Um dos princípios do CrossFit é a alta intensidade, ela que é a responsável pelos resultados rápidos obtidos pelos alunos. Hoje é consenso que o stress causado pelas atividades de alta intensidade é capaz de promover uma resposta hormonal mais intensa e um aumento do metabolismo responsável pela perda de gordura e ganho de massa magra.

 

Machuca?

 

Muito menos do que muitos outros esportes que as pessoas estão acostumadas a praticar. Em uma pesquisa realizada por nós com 715 atletas de todo Brasil, o CrossFit se mostrou 2,5 vezes mais seguro do que a tradicional corrida de rua e 1,5 vezes mais seguro que o futebol. Muitos outros estudos apontam para resultados semelhantes para o índice de lesões da modalidade.

 

Já tenho uma lesão no ombro, joelho, costas…Posso treinar mesmo assim?

 

Nesse caso, antes de tudo, nós recomendamos que você passe por uma avaliação médica, caso ele te libere para a realização de exercícios, você está apto a fazer CrossFit. Aqui nós trabalhamos para a correção postural, fortalecimento do core, ganho de mobilidade e restauração dos padrões de movimento básicos de nossos atletas, fatores que podem colaborar para a atenuação dos sintomas de lesões pré-existentes e prevenção de danos futuros.

 

Que equipamentos eu preciso para iniciar no CrossFit?

 

Seu corpo. CrossFit é um esporte de investimento inicial baixo. Para os primeiros meses de prática uma roupa de ginástica confortável é o suficiente. Nós recomendamos o uso de tênis de solado plano e com pouco amortecimento: All star, Vans e chuteiras de futsal, mas isso não é obrigatório.

 

Vou perder peso?

 

Provavelmente. A alimentação tem um impacto enorme sobre a perda de peso, porém, dos métodos de exercícios disponíveis no mercado o CrossFit é um dos mais efetivos para a mudança da composição corporal devido ao aumento de metabolismo proporcionado por seus treinos de alta intensidade. Além disso, dentro de nossa comunidade você vai encontrar as informações e incentivos necessários para tomar decisões mais inteligentes sobre sua alimentação e continuar motivado na busca de um estilo de vida mais saudável.

 

Vou ganhar massa muscular?

 

Novamente o ganho de massa muscular sofre um impacto muito grande da alimentação , porém os exercícios funcionais propostos pelo CrossFit ativam uma maior quantidade de fibras musculares e promovem uma maior resposta hormonal fazendo com que eles sejam até mais eficientes para o ganho de massa do que os exercícios isoladores encontrados nas academias tradicionais.

E as músicas foram assim:

O Programa Transamérica Ação e Aventura  é oriundo do site www.acaoeaventura .com.br que é Idealizado,  Produzido e Dirigido por uma equipe comandada por Ricardo Arantes Dubeux, formado em Engenharia Civil e que veleja desde os cinco anos de idade. Ricardo foi o Idealizador, Produtor e Apresentador do Programa Ação e Aventura das Rádios Transamérica FM de Recife/PE e João Pessoa/PB e Radio 98 FM – Natal/RN durante o período de 2004 à 2006.

Vale ressaltar que Ricardo Arantes Dubeux(foto acima) é hexacampeão Campeão Pernambucano de Hobie Cat 14, Campeão do Ranking Brasileiro de Hobie Cat 14, Vice-Campeão Brasileiro de Hobie Cat 14 e Supercat 17 ,Terceiro Lugar no Campeonato Mundial de Hobie Cat 14, foi agraciado com o Green Card nos EUA, na categoria E11, ALIEN OF EXTRAORDINARY ABILITIES, ou seja, Estrangeiro de Habilidades Extraordinária.

Só para você ter uma ideia desse título que Ricardo conquistou nos EUA, basta ler isso:

United States has an immigration rule, which is little known, that actually offers green cards to people who have proven themselves to be “the best of the best in their fields,” the New York Daily News claims.

The E11 work visa referred to as the Green Card Through Self Petition applies to people who have shown extraordinary abilities in the arts, athletics, education or the sciences. Applicants are immigrant workers who do not need to have a job offer or an employer sponsoring them through the process but who self-petition instead, US Citizenship and Immigration Services says.

These visas are normally given to the likes of famous artists, Nobel Prize winners, top athletes and public figures such as John Lennon, Yoko Ono and the Miss Universe pageant winner. In a bold move, however, USCIS granted an E11 visa recently to Bettina May, a Burlesque dancer from Canada.

“We certainly had to go the distance to convince USCIS that she qualified under their criteria,” says May’s lawyer, Jan Brown. “The bottom line is she really is one of the best pin-up models and burlesque artists.”

Ação & Aventura

The www.acaoeaventura.com.br is a portal specialized in Sports of Action and Adventure, Sketches of Action and Adventure, Ecotourism, Environment. Our site is divided into thematic frames to facilitate the reading and visualization of the best videos of the sports you love, thus serving as an incentive and motivator for those who want to start an outdoor sports activity and be happier. In the Track Soundtrack we always bring the news of the sound that is playing in the best cities in the world, through the coverage of events and shows; At the Get in Shape Chart we always have the best tips on Nutrition, Physical Education, Aesthetics, Body and Mind, Fashion; In addition to the Photo Gallery, Weather Bulletin, Tabua de Maré and everything for you to improve the quality of life. A pioneer in this market in Northeastern Brazil, www.acaoeaventura.com.br is updated several times a month and aims to provide useful information, products and services, comprehensive and high added value. Through innovations such as the online coverage of events and the creation of specific products, www.acaoeaventura.com.br has managed to consolidate itself as a quality brand, becoming the benchmark in the Web. The site www.acaoeaventura .com.br is produced and managed by a team led by Ricardo Arantes Dubeux graduated in Civil Engineering and has been sailing since the age of five. Ricardo was the Idealizer, Producer and Presenter of the Action and Adventure Program of the Transamérica FM Radio stations of Recife / PE and João Pessoa / PB and Radio 98 FM - Natal / RN during the period of 2004 to 2006. He is considered one of the greatest supporters of Sports of Action and Adventure of Brazil and in the world, collecting to the site www.acaoeaventura.com.br important participations in national and international events, as for example: The world championships of the diverse sport modalities of action and adventure in Europe, South Africa , USA, among others ... Ricardo Arantes Dubeux Sailing Hobie Cat 16 It is worth mentioning that Ricardo Arantes Dubeux is sixth State champions of Hobie Cat 14, Champion of the Brazilian Ranking of Hobie Cat 14, Brazilian Deputy Champion of Hobie Cat 14 and Supercat 17, Third Place in the World Championship of Hobie Cat 14, was awarded the Green Card in the USA, in category E11, ALIEN OF EXTRAORDINARY ABILITIES, due to his achievements in yachting, street racing, cycling, among other sports that he has practiced since I was 5 years old. Between an adventure and another, Ricardo Dubeux supplies the site Action and Adventure. With a highly qualified and targeted audience, the portal offers several possibilities and advantages for its advertisers. Inside the site you may also find a virtual shopping mall and services. When setting up the site our main objective has always been, and will be, to encourage sports practice and consolidate outdoor activities, because they bring people closer to nature, to pleasure for simple things in life, putting into action a responsibility action contributing to the improvement of living conditions on our planet earth. 📷In the site all you need is adventurous spirit and passion for action and for nature, because the rest, the portal offers for you!

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked. *

O www.acaoeaventura.com.br é um portal especializado em Esportes de Ação e Aventura, Roteiros de Ação e Aventura, Ecoturismo, Meio-Ambiente. O nosso site esta dividido em quadros temáticos para facilitar a leitura e visualização dos melhores vídeos dos esportes que você ama, servindo assim, de incentivador e motivador para quem quer iniciar uma atividade esportiva outdoor e ser mais feliz.

FACEBOOK